quarta-feira, 6 de fevereiro de 2013

Funai e PF combatem caça ilegal em terras indígenas


Na última semana de janeiro, em uma ação articulada entre a Coordenação Regional do Juruá (FUNAI) e Polícia Federal visando o combate à caça ilegal na Terra Indígena Kampa do Rio Amônia, localizada próxima ao município de Marechal Thaumaturgo – AC, foram apreendidas armas, barco, caça e animais vivos, bem como foram autuados caçadores não-indígenas.

Esta ação foi planejada após denúncias de lideranças indígenas de que grande número de caçadores vinham invadindo constantemente tanto a área de reserva indígena quanto a área da Reserva Extrativista do Alto Juruá. Conforme informado por lideranças indígenas locais, o número de caçadores vem crescendo bastante na região, por vezes ameaçando os moradores caso tentem barrar a entrada.

A ação destes caçadores vinha sendo monitorada desde a saída do município, no entanto, a equipe da PF e FUNAI só os localizaram quando já se encontravam retornando ao município, quando foram pegos em flagrante.

Também, no município, foi cumprido mandado de busca e apreensão em casa de um morador local, suspeito de cooperar com caçadores e estocar tanto animais abatidos quanto vivos em sua casa. Porém, não foram encontrados nenhuma prova no local. No entanto, segundo informes da FUNAI, as investigações continuarão até que se desarticule completamente este grupo, bastante conhecido na região como responsáveis por um grande número de crimes ambientais.

Fonte: Coordenação Regional da Funai – Juruá

Nenhum comentário:

Postar um comentário